quinta-feira, 21 de novembro de 2019

Mãe de santo xinga pastores em ato pró-Lula; Pastor aciona MPF


Pastores evangélicos foram xingados e ofendidos por uma mãe de santo durante discurso feito por ela no Festival Lula Livre, ocorrido no último domingo (18), em Recife.
Beth de Oxum usou palavras de baixo calão como "vá se *****", "fundamentalistas", além de criticar a "elite branca".
Ovacionada pelos presentes, até Bolsonaro foi alvo da falta de respeito da mãe de santo, que não gosta do apoio do segmento ao Governo.
"Vá se * esses pastores que acham que a gente não tem força e não tem poder. Nós somos a maioria, somos negros, afrodescendentes e mulheres. Vá se * a elite branca e escrota deste país", disse.

Processo

O Pastor Jairinho, candidato pela Rede nas eleições de 2019, que obteve 191.059 votos ou 2,87% em todo Estado do Pernambuco, protocolou uma ação no Ministério Público Federal, nesta terça (19), contra a Mãe de Santo Beth de Oxum.
Segundo ele, as palavras dirigidas no Festival Lula-Livre pela líder "incitaram a intolerância religiosa". "Fui o evangélico mais votado em Pernambuco e decidi me manifestar. Sou pastor e sei que esse não é um sentimento dos religiosos de matriz africanas", disse o pastor à Folha de Pernambuco.
Assista aqui:




Fonte: JM Notícia

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...