terça-feira, 6 de agosto de 2019

Bispo Samuel Ferreira explica divisão histórica das Assembleias de Deus e desabafa: “Eles nos expulsaram de lá”

Bispo Samuel Ferreira é o presidente executivo das Assembleias de Deus Madureira no Brasil e líder da AD Brás.
Bispo Samuel Ferreira, Presidente Executivo das Assembleias de Deus Madureira explicou como aconteceu a divisão histórica das Assembleias de Deus e como eles foram expulsos da CGADB.
A fala foi em julho deste ano de 2019, durante congresso da CIBEN.

ASSISTA AQUI

8 comentários:

Anônimo disse...

Esse Samuel Ferreira é um grande mentiroso!

José Roberto disse...

Foi por causa da "expulsão"que depois disto o Bispo Manoel ferreira fez aliança com o reverendo Moon,e andava com ele a tira colos levando o mesmo em suas igrejas apresentado o como profeta de Deus? O reverendo Moon,era aquele que dizia que veio terminar a obra que jesus Cristo não havia concluído! Dizem que o Moon era o maior financiador das campanhas políticas do velho Ferreira! Eu não sei como ainda tem crentes que reúne com os Ferreiras,verdadeiros lobos, travestidos de mestres do evangelho.

Eliseu Antonio Gomes disse...

Pastor Carlos.

Eu acho esta situação muito triste. Algo que jamais deveria acontecer no meio evangélico pentecostal. É uma situação sem sentido aos que são crentes espirituais.
Por que a amargura? Por que querer fazer parte de uma instituição para-eclesiástica? Qual a intenção?

Ser um filiado de uma dessas convenções é imprescindível para entrar no céu? O que tenho visto é o contrário. Para muitos, querer ser ou ser convencional é a casca de banana que os derrubam da vida em santidade e os empurram para o inferno. E pior, essa gente é a que diz ser líder de crentes evangélicos. A condição exigida pelo apóstolo Paulo aos líderes não é ser o exemplo dos fiéis?

O assembleiano comum mal sabe soletrar as siglas dessas convenções de pastores, não sabe o que elas significam e não têm interesse em saber. E graças a Deus porque estão desinteressados, afinal, as tais instituições não edificam, causam escândalos e provocam o gasto do dinheiro de igrejas de modo inapropriado.

Abraço.

José Roberto disse...

Foi um grande livramento,essa expulsão! Já imaginou ministro da CGADB,andando de braços dados com o profeta Moon?

Anônimo disse...

Se o pastor SAMUEL FERREIRA é mentiroso isso eu não sei,mas que eu sei desse fato de outra maneira isso sim. Inclusive até a forma desse hino foi escrito é outra.
Que DEUS tenha misericórdia de nós,pois os dias estão cada dia mal.

Guedes disse...

Lamentável é esses presidentes tratarem as igrejas como suas propriedades e domínio, os crentes como seus servos, e passarem isto de pai para filhos, por poder e dinheiro.

Guedes disse...

Lamentável é esses presidentes tratarem as igrejas como suas propriedades e domínio, os crentes como seus servos, e passarem isto de pai para filhos e netos.Por poder e dinheiro.

Guedes disse...

Lamentável é esses presidentes tratarem as igrejas como suas propriedades e domínio, e os crentes como seus servos, e ainda passarem isto de pai para filhos e netos. Por poder e dinheiro

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...